Base de Conhecimento

Winco DDNS - Linux

Data de criação: 09/05/2016

Última alteração: 12/09/2017

Antes de Instalar certifique-se que todo o procedimento deste material será executado no diretório  "/usr/local/sbin":

# cd /usr/local/sbin/

Agora faça o download do arquivo de Instalação do serviço DDNS para Linux (http://download.winco.com.br/download/ddns-linux-1.5.tgz).

Pode ser utilizado o comando “wget” para realizar o download do arquivo de instalação diretamente no diretório que será utilizado o serviço DDNS:

# wget http://download.winco.com.br/download/ddns-linux-1.5.tgz

Após concluir o download, verifique se o arquivo de Instalação foi salvo no diretório:

[root@linux sbin]# ls
ddns-linux-1.5.tgz
[root@linux sbin]#

Descompacte o arquivo com o comando tar:

[root@linux sbin]# tar -zxvf ddns-linux-1.5.tgz
ddnsquery
ddns.sh
README
[root@linux sbin]#

 

 

Configuração

1 - Configuração do Arquivo ddns.sh

Edite o arquivo ddns.sh

# vi ddns.sh

Na edição deste arquivo será necessário acrescentar algumas informações importantes para o funcionamento do serviço DDNS.

Domínio = "meudominio.ddns.com.br" - insira seu domínio DDNS criado em sua conta

Senha = "123456" - insira sua senha que foi criada para o domínio DDNS.


Selecione um dos métodos abaixo para realizar o funcionamento do serviço DDNS no Linux:

- Configuração de um endereço IP Fixo

IP=""
Configurar um endereço IP estático (IP Fixo) no servidor

Esta opção deverá ser configurado da seguinte forma:

Coloque aqui seu dominio DDNS (ex.: meuendereco.ddns.com.br) 
Domínio = "meudominio.ddns.com.br"

A senha para o dominio acima 
Senha = "123456"

Coloque aqui o IP em caso de IP fixo 
IP="187.123.228.176" 

Se o dominio esta atras de um NAT, use "yes" abaixo, para que o IP público de seu roteador seja atribuido ao dominio. Neste caso a inerface usada sera aquela que leva ao roteador padrao. 
USENAT=""

ou especifique da interface. Ex.: ppoe, eth0, etc 
INTERFACE=""

 

- Utilizar quando o servidor estiver conectado ao roteador ou NAT/Proxy

USENAT=""
Utilizar quando o servidor do serviço DDNS esteja conectado ao roteador ou Proxy, para que o IP publico de seu Roteador ou Proxy seja atribuído ao domínio DDNS.

Para habilitar esta opção será necessário acrescentar “Yes”

Esta opção deverá ser configurado da seguinte forma:

Coloque aqui seu dominio DDNS (ex.: meuendereco.ddns.com.br)
Domínio = "meudominio.ddns.com.br"

A senha para o dominio acima 
Senha = "123456"

Coloque aqui o IP em caso de IP fixo 
IP="187.123.228.176" 

Se o dominio esta atras de um NAT, use "yes" abaixo, para que o IP publico de seu roteador seja atribuido ao dominio. Neste caso a inerface usada sera aquela que leva ao roteador padrao. 
USENAT="yes"

ou especifique da interface. Ex.: ppoe, eth0, etc 
INTERFACE=""

 

- Conectado diretamente na Internet

INTERFACE="" 
Utilizar quando o link de Internet estiver conectado diretamente no Servidor . Será necessário especificar a interface. Ex.: ppoe, eth0, etc,

Esta opção deverá ser configurado da seguinte forma:

Coloque aqui seu dominio DDNS (ex.: meuendereco.ddns.com.br)
Domínio = "meudominio.ddns.com.br"

A senha para o dominio acima 
Senha = "123456"

Coloque aqui o IP em caso de IP fixo 
IP="187.123.228.176" 

Se o dominio esta atras de um NAT, use "yes" abaixo, para que o IP publico de seu roteador seja atribuido ao dominio. Neste caso a inerface usada sera aquela que leva ao roteador padrao. 
USENAT=""

ou especifique da interface. Ex.: ppoe, eth0, etc 
INTERFACE="ppoe"

Obs: Para o funcionamento do serviço DDNS deverá escolher um dos métodos descritos acima e os demais deverão ficar desabilitados com o caráter # no inicio do comando.

Terminado os procedimentos descritos, será necessário salvar e sair do arquivo de configuração do DDNS:

- No editor vi utilizamos o seguinte comando abaixo 
- Aperte a tecla ESC e digite:

:wq

Para iniciar o serviço DDNS execute o Shell ddns.sh

[root@linux sbin]# ./ddns.sh 
; flags: 8500
; ANSWERS
meudominio.ddns.com.br          A          187.123.228.176
[root@linux sbin]#

Uma vez em execução, o serviço DDNS estará pronto para ser utilizado.

 

2 - Agendamento de Verificação do Serviço DDNS

Se você possui uma banda larga com serviço de IP dinâmico, seu endereço de IP irá mudar em cada conexão da internet. Ou seja, cada vez que você se conectar a internet, terá que descobrir qual o endereço IP que seu provedor forneceu. 
Será necessário criar uma tarefa para que o serviço DDNS atualize o IP.

Execute o seguintes comandos:

[root@linux sbin]# crontab –e 
*/5 * * * * /usr/local/sbin/ddns.sh

Para que seja utilizado o seu o dominio DDNS para acessos Remotos, Cameras, DVR, VPN entre outros serviços, deverá verificar suas regras permissão de Firewall do seu Servidor.

Top